Liturgia e Santo do Dia

As Liturgias e os Santos do Dia são iniciativas criadas e apoiadas pelo Projeto PELA VIDA, que conta com a contribuição de muitos fiéis mantendo estas e outras programações no ar, diariamente. Quer ser um apoiador? Clique aqui e saiba mais.


Data selecionada:
« »
janeiro 2017
SegTerQuaQuiSexSábDom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Liturgia do Dia

Oração:

Leituras:

  • 1ª Leitura - Hb 3,7-14
  • Salmo - Sl 94, 6-7. 8-9. 10-11 (R. 8)
  • Evangelho - Mc 1,40-45
  • Cor Litúrgica: Verde
  • Santo do Dia: Santa Taciana (ou Tatiana) e São Bento Biscop (Abade)

1ª Leitura - Hb 3,7-14

Animai-vos uns aos outros,
enquanto ainda se disser 'hoje'. 
Leitura da Carta aos Hebreus 3,7-14 Irmãos:
7 Escutai o que declara o Espírito Santo:
'Hoje, se ouvirdes a sua voz,
8 não endureçais os vossos corações,
como aconteceu na provacação,
no dia da tentação, no deserto,
9 onde vossos pais me tentaram, colocando-me à prova,
10 embora vissem as minhas obras,
durante quarenta anos.
Por isso me irritei com essa geração
e afirmei: sempre se enganam no coração
e desconhecem os meus caminhos.
11 Assim jurei em minha ira:
não entrarão no meu repouso'.
12 Cuidai, irmãos, que não se ache em algum de vós
um coração transviado pela incredulidade,
levando-o a afastar-se do Deus vivo.
13 Antes, animai-vos uns aos outros, dia após dia,
enquanto ainda se disser 'hoje',
para que nenhum de vós se endureça
pela sedução do pecado
14 - pois tornamo-nos companheiros de Cristo,
contanto que mantenhamos firme até ao fim
a nossa confiança inicial.
Palavra do Senhor.

Salmo - Sl 94, 6-7. 8-9. 10-11 (R. 8)

R. Oxalá ouvísseis hoje a sua voz:
Não fecheis os vossos corações.
6 Vinde adoremos e prostremo-nos por terra, *
e ajoelhemos ante o Deus que nos criou!
7 Porque ele é o nosso Deus, nosso Pastor, +
e nós somos o seu povo e seu rebanho, *
as ovelhas que conduz com sua mão. R.

8 Oxalá ouvísseis hoje a sua voz: +
'Não fecheis os corações como em Meriba, *
9 como em Massa, no deserto, aquele dia,
em que outrora vossos pais me provocaram, *
apesar de terem visto as minhas obras'. R.

10 Quarenta anos desgostou-me aquela raça +
e eu disse: 'Eis um povo transviado, *
11 seu coração não conheceu os meus caminhos!'
E por isso lhes jurei na minha ira: *
'Não entrarão no meu repouso prometido!' R

Evangelho - Mc 1,40-45

A lepra desapareceu e o homem ficou curado
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos 1,40-45
Naquele tempo:
40 Um leproso chegou perto de Jesus,
e de joelhos pediu:
'Se queres tens o poder de curar-me'.
41 Jesus, cheio de compaixão,
estendeu a mão, tocou nele, e disse:
'Eu quero: fica curado!'
42 No mesmo instante a lepra desapareceu
e ele ficou curado.
43 Então Jesus o mandou logo embora,
44 falando com firmeza:
'Não contes nada disso a ninguém!
Vai, mostra-te ao sacerdote
e oferece, pela tua purificação, o que Moisés ordenou,
como prova para eles!'
45 Ele foi e começou a contar
e a divulgar muito o fato.
Por isso Jesus não podia mais
entrar publicamente numa cidade:
ficava fora, em lugares desertos.
E de toda parte vinham procurá-lo.
Palavra da Salvação.

Santo do Dia

Santa Taciana (ou Tatiana) e São Bento Biscop (Abade)

Com o nome de TACIANA (ou: TATIANA) são conhecidas duas santas mártires, uma em Amasea, juntamente com mais quatro companheiras e a comemoração dela é aos 18 de agosto; a outra, da qual falamos, mártir em Roma, comemorada aos 12 de janeiro. A mais antiga notícia sobre esta santa, remonta à segunda metade do século VII e se encontra num “Itinerário” (= historias dos santos) daquela época, integrada por Guilherme de Mamesbury em suas “Gesta regum Anglicorum” (= Histórias dos reis dos Anglos), onde se lê: “Et in monte Nola sancta Tatiana pausat” (= “E santa Taciana repousa no monte Nola”). Aqui surgem os problemas de interpretação, pois nenhuma fonte antiga ou medieval, fala desse monte em Roma; doutro lado, os antigos “Catálogos” das igrejas de Roma, atestam concordemente que em Roma a Igreja de Santa Taciana encontrava-se perto daquela de santa Susana, que como se sabe ergue-se sobre o Qüirinal; conseqüentemente o monte Nola deve se identificar com esta colina. Além disso, a “paixão” (= história do martírio) grega da santa, afirma que Taciana foi sepultada na sexta região (Augustéa) que compreendia mesmo a Alta Semita e o Qüirinal. Os estudiosos supõem que a colina do Qüirinal, no século VII fosse chamada de “monte Nola” porque naquele tempo erguia-se ali também uma igreja dedicada a São Félix de Nola, comemorado no dia 14 de janeiro também como São Félix em Pincis. Mas como para outros mártires, indicados como sepultados nas igrejas urbanas de Roma, ou venerados nessas Igrejas, o mesmo se pode dizer de Taciana, isto é que na igreja do Qüirinal comemora-se somente a dedicação da mesma à santa Taciana. Nenhuma outra fonte antiga ou medieval conhece santa Taciana, afora o acima citado “Itinerário”, e foi o Card. César Barônio, no séc. XVI que introduziu o nome dela no “Martirológio Romano” aos 12 de janeiro, sob indicações de menológios (histórias dos mártires) gregos. A “paixão” da Santa, escrita provavelmente no século VII, não ajuda, a saber, quem ela fosse, porque é uma das tantas costumeiras lendas agiográficas, escritas nos séculos posteriores à presumível época do martírio. Ela foi uma jovem romana martirizada em Roma, dada como comida às feras no ano 230. O culto dela divulgou-se na cidade entre o século VII e XV, quando depois a igreja foi destruída. Em latim e na Rússia o nome dela é TATIANA. 

São Bento Biscop foi incumbido de acompanhar à Inglaterra o novo bispo de Cantuária, São Teodósio. Foi abade do Mosteiro de São Pedro de Cantuária, que ele cedeu ao abade Adriano. São Bento Biscop implantou na Inglaterra o amor às letras, às ciências, às artes... De regresso de suas viagens e peregrinações à Roma, sempre trazia consigo grande número de livros que tratavam dos mais variados assuntos ... Em 674, fundou na embocadura do rio Vire um grande mosteiro, e outro em honra a São Paulo, a duas léguas do primeiro. Trouxe da França toda sorte de artesãos e artífices construtores, pedreiros, vidreiros... a fim de construir igrejas e orná-las com vitrais. Mandou vir da Europa imagens de santos e ornamentos para a Igreja de São Pedro. Introduziu nos mosteiros ingleses os usos e os costumes dos mosteiros romanos. Morreu no dia 12 de janeiro de 690. 

Oração

Prece do Evangelho como vida de nossa vida

Deus, nosso Pai, São Bento Biscop procurou assumir a vida do povo inglês, enriquecendo-o com o fermento do Evangelho de Jesus Cristo. Com sabedoria e zelo pelas coisas de Deus, procurou transformar, pela força do Evangelho, a mentalidade, os interesses, as inspirações e o modo de agir de seu povo, orientando-o para Deus. Fazei, Senhor, nós vos pedimos, que o Evangelho esteja presente em nossa vida como fonte inspiradora. Que saibamos denunciar o que contraria os direitos fundamentais da pessoa humana; não nos deixemos manipular pelos que usam o Evangelho e a religião para salvar os próprios interesses, atentando contra os valores mais sagrados e legítimos dos povos que lutam pela preservação de suas tradições e por melhores condições de vida para seus filhos.

 

Enviar para um amigo
Publicidade
Fechar