Futebol Ao Vivo

Grandes de SP revelaram ídolos pela Copinha

#copinhanaREDEVIDA

Times do interior têm cobertura da REDEVIDA na Copinha 2017

Times do interior têm cobertura da REDEVIDA na Copinha 2017

 

Tradicional no calendário nacional, a Copa São Paulo de Futebol Júnior chega a 48ª edição em 2017. Durante o período, a competição ajudou a revelar grandes nomes do futebol brasileiro. Afinal, o torneio representa mais do que um troféu para o time campeão. A Copinha também serve como vitrine para jogadores que estão chegando aos 20 anos de idade.

Entre os destaques da Copinha, dois jogadores atuam pela Seleção Brasileira. Em 2009, Neymar entrou em campo pela primeira vez na competição. Com apenas 16 anos, viu o Santos ser eliminado nas oitavas de final. No ano seguinte, já com 17 anos, o atacante estreou na equipe profissional do Peixe, conquistando a Libertadores da América em 2011.

Revelação recente do torneio nacional, Gabriel Jesus disputou a Copinha de 2015. Durante a participação alviverde, balançou as redes cinco vezes. O time caiu na semifinal, mas Jesus carimbou seu nome no histórico de revelações da Copa São Paulo. Mais tarde, o atacante estrearia na equipe profissional do Verdão e, na sequência, conquistaria sua vaga no ataque da Seleção comandada por Tite.

Voltando no tempo, outro grande clube de São Paulo formou ídolos a partir da Taça SP. O tricolor do Morumbi contou com Rogério Ceni no gol em 1993, ano em que o clube venceu o rival Corinthians na final e ficou com o título. Raí também despontou para o futebol profissional depois de uma excelente participação na Copinha, no ano de 1983.

O Timão também teve astros do time adulto que fizeram bonito na categoria de base. Em 1980, o atual comentarista e ex-atacante Walter Casagrande integrou o time com o melhor ataque da competição, sendo eliminado na semifinal. Quando subiu para o profissional, Casão ajudou o Corinthians a conquistar o bicampeonato paulista em 82 e 83.

A 48ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior vai de 2 a 25 de janeiro. Serão 120 clubes brigando pelo título e cerca de três mil atletas buscando um lugar ao sol. A REDEVIDA transmite a Copinha em sinal digital aberto e em alta definição para todo o país.

 

Publicidade
Fechar